Famosas conscientizam sobre violência doméstica através do histórico de edições do Facebook

Publicação revela mensagem escondida quando se clica em “Editado”

Em uma publicação em sua página no Facebook, Bela Gil prova que qualquer coisa pode ser transformada em mídia. Melhor ainda quando mexe com a curiosidade e surpreende as pessoas.

A mensagem “Foi a maçaneta da porta” remete ao clichê de quem apanha e não quer contar, mas aparentemente fica só nisso. Um enigma. Porém, basta clicar em “Editado” – que aparece quando alguém altera o texto original do post – para que seja revelada a publicação original:

“É isso que você deve fazer sempre: reparou alguma coisa estranha, procure saber mais.
Muitas vezes, uma maçaneta da porta é um marido agressivo e a vítima não tem coragem de dizer.
Viu sinais de agressão? Denuncie.
Faz um 180 e dê uma virada nessa realidade. Disque-Denúncia – 180”

Marjorie Estiano, Preta Gil, Luiza Possi, Deborah Secco e muitas outras artistas estão engajadas na campanha, que por vezes troca a frase editada por “Foi a quina da mesa” ou “Foi a torneira do chuveiro”, entre outras desculpas que são frequentemente usadas para esconder a agressão sofrida.