Central de Teleatendimento Cidadã Pernambucana completa dois anos com números positivos

No período, a central realizou 2.183 atendimentos às pernambucanas em situação de violência doméstica e sexual, além de queixas relacionadas à privação de direitos (Foto: Divulgação)
No período, a central realizou 2.183 atendimentos às pernambucanas em situação de violência doméstica e sexual, além de queixas relacionadas à privação de direitos (Foto: Divulgação)

Orientações e encaminhamentos sobre violência doméstica, familiar e sexual contra a mulher, informações sobre a rede de serviços disponibilizada pelo Estado, e ações formativas da SecMulher-PE como cursos, encontros e seminários, são alguns dos principais serviços oferecidos pela Central de Teleatendimento Cidadã Pernambucana que completa dois anos em janeiro de 2015.

Nesse período o serviço realizou 2.183 atendimentos entre 2013 e 2014. Deste total, 79% (1.715) são de atendimentos realizados através do 0800.281.8187. Os demais 21% (468) correspondem a outros canais como o site, e-mail e telefone fixo.

A ouvidora da SecMulher-PE, Helena Medeiros, fala que os dados comprovam o impacto positivo da central de atendimento. “Nossa meta para 2015 é ampliar a central e fortalecer a relação com a rede de serviços em parceria com os municípios, além de qualificar a gestão das informações e analise dos dados”, esclarece Helena Medeiros.

O cientista político da SecMulher-PE, Leonardo Lima, alerta que para que as chamadas influenciem no crescimento da rede de atendimento é preciso que a população colabore com sugestões na construção de políticas públicas voltadas para as mulheres.

Fonte: SecMulher-PE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: