Campanha pelo fim da violência contra a mulher começa nos aeroportos brasileiros

29092016_turismo_idosos_ag._brasil

Começou nesta quinta-feira, 24 de novembro, uma campanha pelo fim da violência contra a mulher nos aeroportos brasileiros. Ao todo, 60 estações da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) vão contar com avisos sonoros e material informativo de alertar aos usuários sobre tema. A ação vai até o dia 30 de novembro, e faz parte da campanha A verdade Dói.

Segundo dados da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, do Ministério da Justiça, a cada 2 minutos, cinco mulheres são agredidas fisicamente no país. A partir desses números, segundo a Infraero, o objetivo da campanha é informar o público sobre a gravidade da realidade enfrentada pelas mulheres, e mobilizar a sociedade por um país mais seguro para elas.

Nesta sexta-feira, 25 de novembro, o Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher é lembrado. A data foi instituída pelas Nações Unidas (ONU) em 1999, e deve ser celebrado com desfiles de mulheres brancas, negras, jovens e idosas nos aeroportos de Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ). Isso propõe chamar a atenção dos passageiros para o fato de que a violência de gênero não faz distinção de raça, cor ou nível social.

O canal nacional para registros de denúncias de casos de violência contra a mulher é o Ligue 180. A central mantida pelo governo federal prevê a gratuidade das ligações. As empresas áreas que aderiram à campanha também vão abordar essas informações com os clientes durante os voos.

Agência CNM, com informações da ABr